segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Meia de São Bernardo 2007

Ainda aproveitando o condicionamento adquirido pela Maratona de Porto Alegre, e mantido para o Desafio Castelhanos, fui para a Meia de São Bernardo querendo baixar o tempo de meias. Apesar do percurso difícil, a temperatura estava ótima, com uma garoinha que facilitava as coisas.

Saí firme, em um pace pouco acima de 5min/km. Se conseguisse manter, ia pulverizar o meu recorde. No quilômetro 5, no entanto, o Xile me passou como se eu nem existisse, voando e causando comentários do que viam aquele chileno gordinho correr que nem um queniano. De repente eu não estava correndo assim tão rápido... de qualquer modo me mantive firme em meu ritmo e fui encarando as subidas, descidas, subidas, descidas...

Então comecei a pagar o preço das competições acumuladas. As pernas começaram a sentir cansaço e na subida da Piraporinha quebrei. Tive que diminuir o ritmo e seguir com o coração. Ainda tinha uma grande vantagem para o recorde pessoal e o ritmo ainda permitia sonhar com uma meia abaixo de 1h50min. Isso me manteve vivo e me fez continuar tentando. As subidinhas do Jardim do Mar pareciam Everests a serem escalados! Ufff! Cheguei na Kennedy com um tempo justo para 1h50, não podia diminuir o ritmo, mas tava muuuito difícil correr, mesmo no plano. Na placa de 20km, tinha uns 5min20 para fechar os últimos 1.100 metros. Fui, sei lá de que jeito... no retorno para a chegada, faltando uns 100m o tempo tava justo demais, tinha que sprintar. E sprintei. E senti a cãimbra na panturrilha. Travou tudo e eu não podia parar. Fui correndo-mancando o mais rápido que dava, desesperado para fechar em... 01h50min01s!! AAAAAAGHHHH!!!

Essa marca ficou um tempão entalada na garganta. Novo recorde pessoal, mas por dois segundos...

Nenhum comentário: