terça-feira, 30 de abril de 2019

Resumo do mês - abril/19

157,6km em treinos + Maratona. Total: 199,8km
2 séries de fortalecimento muscular.

01 - 2km aq + circuito de fortalecimento com corrida (4x 750m). 5km, de Altra Escalante
02 - 3km aq + 3x 1km prog/1km forte (4m20). 9km, de Adidas Adios
03 - 5km aq + 10x 1min forte/1min caminhando (3km). Total de 8km, de Saucony Endorphin
04 - off
05 - 17km na esteira. Era pra ser 32, mas esteira é insuportável... Adidas Adios
06 - off
07 - Mais 17km pra fechar o fim de semana, de 361º Bio Speed 2
08 - off
09 - 4km aq + 6 x 1000m (média de 4m25/km). 10km de Saucony Kinvara 9
10 - fortalecimento muscular com peso móvel (Rafael)
11 - 2x 15min progressivo/15min regressivo (11,3km), de Fila KR3
12 - off
13 - Uns... 4km no evento da Decathlon de apresentação da linha de performance dos tênis Kalenji, a linha Kiprun. Tudo usando o novíssimo Kiprun Race
14 - 22km pelas ruas de SP, usando o Kiprun Race, a 5m36/km
15 - off
16 - 1km aq + 12x 400m (entre 1m37 e 1m27) com 2min intervalo + 1km desaq: 6,8km de Adidas Adios
17 - off
18 - 2,5km aq + 4km puxado + 2,5km desaq. 9km, de Kiprun Race.
19 - off
20 - 16km a 5m13/km no Ibirapuera, de Adidas Adios
21 - off
22 - off
23 - 15min aq (2,6km) + 5x 5min ritmo/1min leve (6km) + 5min leve (0,7km). Total: 9,3km, de Fila KR3
24 - off
25 - 1,6km aq + 13 tiros de 2min por 30s de descanso (5,5km) + 0,9km. Total, 8km, de Adidas Adios
26 - off
27 - off
28 - Maratona de Montevideu. Péssimo, quebrei no km 12 e fechei com 4h11. (Adidas Adios)
29 - off
30 - 35min levinhos (5,4km), de 361 Bio Speed 2.


terça-feira, 16 de abril de 2019

IGT Igaratá 23km 2019

A prova de Igaratá não estava no radar. Já tinha corrido em 2016 e, portanto, a conhecia. Mas a Decathlon, patrocinadora da prova, resolveu fazer uma ativação com o Corrida no Ar (e o Mania de Corrida e o Canal Corredores), então acabei indo, até mesmo porque o Sérgio não poderia ir por conta de outro compromisso (ele estava em Aracaju).

O problema é que para mim não estava muito fácil também, porque tinha uma festa de família no mesmo dia. Assim, acabei não indo com o ônibus da Decathlon porque teria que correr e depois... correr de volta pra festa. Para piorar um pouco mais, por conta de um incêndio na região do Bresser, eu me atrasei bastante com a Radial Leste interditada às 06 da manhã. Resultado: cheguei na cidade de Igaratá com pouco menos de 20 minutos para o início da prova, enfrentando um mega-trânsito e problemas para estacionar... a prova ficou enorme em relação à pacata e pequena Igaratá!

No final das contas, deu tempo de pegar meu número, gravar uma coisinha aqui e ali e já partir!! Nem aqueci, larguei numa muvuca enorme bem pra trás e acabei enfrentando um mega trânsito monstruoso na largada. Muita gente ali estreava em provas fora do asfalto e não sabia muito bem como correr nesse ambiente natural, cheio de morros. Na real, sem muita dificuldade, já que a prova inteira é em estradão de terra, mas mesmo assim, algumas pessoas foram "armadas" com mochila de hidratação, bastões de caminhada etc... outras, no primeiro trecho de terra um pouco mais inclinada, refugavam achando que iam escorregar.

Não liguei muito, já que para mim aquilo era um treino. Mas um pouco angustiado com o início lento, quando arranjei brechas, acelerei. E essas aceleradas e desaceleradas acabaram me custando um pouco caro, já que me desgastei demais e acabei sentindo o cansaço e o sol, que tava forte, já lá pelo km 15. 

Daí em diante, corria/trotando onde era possível, andava nas subidas, tava realmente bem fora da minha performance normal. A subidinha quando chega na cidade foi um terror (lembro de ter feito aquele trecho correndo na prova anterior, ainda que devagar), mal andava direito... mas cheguei, com 2h41, bem distante das 2h23 que fizera em 2016.

De qualquer modo, a prova foi legal, me fez sentir de novo o ritmo de competição - não participava de uma prova desde dezembro do ano passado - e é sempre interessante correr fora do asfalto, né? mesmo que o joelhinho não esteja lá essas coisas, esse tipo de prova, menos técnica e mais corrível, eu ainda consigo fazer bem!




terça-feira, 2 de abril de 2019

Resumo do mês - Março/19

176,5km em 13 treinos
5 treinos de fortalecimento muscular

01 - off
02 - 7,5km leve na estrada, de Adidas Ultraboost
03 a 05 - off Carnaval/viagem
06 - 1,5km aquecendo + 10 tiros bem fortes de 300m com 100m de pausa - 5,5km de Altra Escalante
07 - 7km a 5m18/km e 6km a 4m44/km. 13km de Nike Streak LTZ
08 - off
09 - 28km num longo na marra, a 5m46/km passando mal por causa do strognofe do jantar, de Saucony Kinvara 9
10 - 6km levinhos, rodados na tempestade, de Adidas Adios Boost
11 - fortalecimento muscular
12 - 10km da esteira (4 x 1,5 rodado a 5m30/km e 1km ritmo 4m55/km), de Saucony Endorphin
13 - off
14 - off
15 - Fortalecimento muscular
16 - Longo de 32km, que virou 22km, por conta de uma indisposição estomacal após o gel da Decathlon. Mesmo desacelerando muito no final, ainda bate 5m32/km, com o Adidas Adios 18
17 - 10km de rodagem leve a 5m51/km, de Saucony Kinvara
18 - fortalecimento muscular
19 - 11km rodando a 5m27/km
20 - 3km aq + fortalecimento muscular. Descalço
21 - 1,5 km aq + 4x 1,5km c/2min de pausa (4m48 a 4m30/km). 7,5km, de 361 BioSpeed
22 - fortalecimento muscular
23 - off
24 - 23k na IGT Igaratá 23k - 2h41minutos, de Kalenji Kiptrail TR
25 a 29 de março - off, tentando domar a inflamação
30 - Longo de 30km a 5m21/km, de Adidas Adios
31 - off