sábado, 4 de junho de 2011

Em território inimigo

Inventaram um treino hoje no Estádio do Morumbi... ao mesmo tempo em que o reconheço como território inimigo, o Cícero Pompeu de Toledo também é palco de algumas das melhores coisas que eu já fiz na minha vida. Vi o primeiro título brasileiro do Timão lá. Vi os shows do Rusd e do Rolling Stones. Mas apesar disso, não dá pra se sentir confortável num lugar onde nem dá pra beber a água de lá... e como tudo que é são-paulino, ô lugarzinho fresco. Lá os vestiários parecem um lounge. Resultado: posso dizer que pela primeira vez na minha vida caguei num lounge.

De qualquer modo, diante da escassez de pistas de atletismo utilizáveis na nossa cidade (e em Toronto eu via várias pistas, em praças, parques, abertas para uso de todos, que inveja!!) não dava para perder a oportunidade, então fomos. No entanto, ao mesmo tempo em que tínhamos esse treino técnico, eu tinha também um longão a fazer. Como compatibilizar? Resolvi o negócio economizando combustível: fui correndo de casa até lá, fiz o treino técnico, e voltei correndo pra casa. Somando tudo, deu 30km (Mizuno Nirvana), até mais do que esperava. Mas exceção feita á parte técnica, o ritmo foi lento e tranquilo, com camelback nas costas, pra ganhar volume e tempo em atividade mesmo. Foi bom. Depois desse treino especial, tivemos diversos sorteios e café-da-manhã. O café foi ok, muito light pro meu gosto (não tinha bacon ou coxinha???), mas saudável. Já os sorteios... como sempre, saio de mãos abanando!

Cabe aqui registrar também o treino de quinta, fartlek de 10km (Nike Structure Triax) dividido em quatro variações de 2,5km. Acabei fazendo num ritmo um pouco mais leve que o normal para acompanhar o Gaspa e o Felipe, e não me arrependo, já que esta é a semana da volta e eu já tinha me arregaçado todo no treino de terça.

Em busca do volume perdido!!!

Nenhum comentário: