sábado, 7 de agosto de 2010

Demorou pra esquentar

Tá frio demais, sô!! Termômetros no caminho da USP, às 6 e meia da manhã, marcando 08ºC. Ar quente dentro do carro. E pra sair do carro???

Nos longos a gente tem o costume de não fazer o aquecimento antes. Saímos mais tranquilos aquecendo durante o treino, já que o ritmo é naturalmente lento mesmo, por ser longo. Mas hoje eu acho que demorei uns 12, 13 quilômetros pra realmente me sentir aquecido. E o treino era de 20km, feitos em duas voltas de 10km com a saudosa subida da Biologia, que eu não visitava há um mês.

Na primeira volta nem a subida da biologia me aqueceu. Fiz a primeira volta inteiro sentindo as pernas travadas, duras. Mais do que a temperatura, a sensação térmica é que atrapalhava. 08ºC com vento e nublado é uma coisa. 08ºC com sol, por mais que esteja frio, é totalmente diferente, o solzinho aquece o corpo. Foi o que aconteceu na segunda volta. Lógico que o dia foi amanhecendo e, na verdade, não tava mais 08ºC. Quando terminei o treino acho que já dava uns 14º C com sol, bem confortável. Tanto que tirei uns 2 minutos da primeira volta sem sentir forçar, exceto no sprint final. Foi um treino sem muito esforço, de volume mesmo.

1ª volta, 55min55s
2ª volta, 53min50s

Total dos 20km = 1h49min45s. Estreando o Saucony Glide, que é um tênis muito gostoso, de boa transição, mas que me deu uma bolhinha no arco do pé direito porque eu não apertei muito a amarração e o pé deslizava dentro do tênis, especialmente nas descidas.


E no Le Tour Trilopez, o prólogo ficou com o Robertinho, que sai com a camiseta amarela para a etapa de amanhã, de 60km na Estrada Velha de Santos.

Nenhum comentário: