sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Brincando de correr

Na quinta, impossível chegar no Ibirapuera. Impossível me locomover pela Bela Vista ou 23 de maio. Tudo parado. Perdi o horário, saída pela esquerda e resolvi treinar na academia, até porque tô só na rodagem, testando a bunda dolorida. Lá na academia eu treino com os amigos Carmona e Jorge Iran, e a sua assessoria JVC. Apesar de eu não ser da JVC, dou a maior força a eles, além do fato de os treinos serem abertos aos alunos da academia, como eu.

E com eles eu brinco de correr. Não tenho a auto-cobrança de fazer treinos de qualidade da minha planilha. Como o nível técnico do pessoal lá também é em média mais baixo (em média, porque tem uns furacões lá, como o Jonas, monstro!), já que é maior o número de corredores iniciantes ou eventuais, também não me forço na corrida. E nessa brincadeira, rodei 7,5km, de Nike Structure Triax novo, alternando ritmo, fazendo um fartlekzinho, puxando alguns corredores... relexado, sem forçar. Foi legal e ainda botei a conversa em dia com os dois, até mesmo porque o Jorginho estreou em ultras na Bertioga-Maresias e tinha muita coisa pra contar e surtar...

Por fim, o registro da série de musculação na sexta, que foi um pouco prejudicada pela lesão. Não consigo fazer cadeira flexora e o leg press tá incomodando também. Talvez a flexora tenha que ser de pé. De qualquer modo, a musculação, agora, é mais manutenção do que construção, então... no stress.

Agora, que coisa esse clima, hein? Na terça, o inferno. Quase 30 graus à noite! Na quinta, 14 graus, garoa, frio...

Nenhum comentário: