quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Três de doze

É, voltei. Depressão pós-férias que precisa ser tratada de forma leve com corrida, porque ficar quase um mês sem correr não é mole não. E os três primeiros treinos da volta tiveram 12 km, motivação do título do post. No sábado de dilúvio eu não me animei em ir até a USP para dar uma rodadinha leve, então me mandei pro Ibirapuera. Achei que ia estar bom por causa da chuva e não me enganei: pouca gente, pista livre... e eu era o único da Trilopez por lá, pra tirar o Gabriel do sono. O problema é que pretendia rodar uns 30 minutos a 7min/km, mas o coach resolver correr comigo. E aí é aquela história, você acaba indo no ritmo dele. E mesmo ele segurando pra cacete e contando sobre a bike nova dele e etc, 5min30/km pra quem tava todo fora foi um pouquinho diferente dos 7min/km... hehehe. Mas foi, tranquilo, 12km na boa. E nem deu dor nas pernas no domingo, apesar da expectativa. Asics GT molhadaço

Terça foi um treino que eu usei como base. Aquecemos 1km e depois partimos para 3 voltas no parque, com 3 rampas da Bienal a cada volta, o que resultou em uma volta de 3.8km mais ou menos. O ritmo foi leve, acompanhando o Fred que estava no polimento de Bertioga-Maresias, a Edith, polindo pra Nike-600k, o Gaspa voltando e o Ronaldo sendo seguro por todo mundo pra não disparar... média de 5min20/km. Um pouco puxado, mas aguentei bem. O Asics secou e eu usei de novo.

E hoje, quinta, foram 12k em fartlek. 4 voltas de 3km, 1ª e 3ª com ritmo leve, e 2ª e 4ª baixando pelo menos 30 segundos no pace por km. Achei que seria difícil, tô todo dolorido por causa da musculação de quarta, mas na hora de correr, desenvolveu. Fiz um pouquinho melhor do que o previsto: paces por km/volta de 3k: 5min29, 4min52, 5min26, 4min47. Foi bom, rodei mais rápido do que esperava, embora bem mais lento em comparação com os "bons tempos". O mais importante é que embora estivesse fazendo força, não fiz as voltas rápidas com o coração na boca, foi controlado sem atingir o estímulo máximo. Desta vez de Mizuno.

Nenhum comentário: