terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Timão Run

Timão Run. É, não dava para ficar de fora. Feriadão na quinta, não ia viajar, não ia fazer nada, melhor mesmo acordar, pegar o metrozão e correr no Itaquerão, rodeado de pessoas de boa índole e grande inteligência, especialmente depois de termos ganhado o jogo na quarta.

Uma prova festa. Não fui pra correr, com "c" maiúsculo. Na verdade tava com sono mesmo. A prova, de 08km, basicamente eram duas voltas de 4 km ao redor do Itaquerão. Acho que eram 4km, mas o GPS da galera deu menos. E quando GPS dá menos é sinal de que tem menos mesmo! Divulgação estimou o público em cerca de 3.000 participantes. Não sei, a arena era bem espaçosa e haviam pessoas que só iam correr 4km e ainda havia o revezamento de 08 pessoas, cada uma correndo um singelo quilômetro! Prova festa mesmo. O Paulão narrador tava lá. O Ronaldo Fastrun tava lá. O Tião tava lá. O Anderson Zacarias, o Bruno Ogata, a Bruna Marcondes, a Flávia, o Pedro Niza, o Alessandro, a Rosi, o Joel, a Catia, vixe, tinha amigo pra caramba.

Corri brincando a ponto de não saber até agora o meu tempo, até porque estourou a pulseira do meu relógio. Nos resultados da prova o meu bruto deu 41m58. Acho razoável tirar pelo menos um minuto e meio pro líquido, já que dada a largada ainda cantamos o quase o hino inteiro antes de passar pelo pórtico de largada.


Foi divertido, mesmo tendo um ataque de asma durante a prova, que me tirou a performance. Aliás, a prova não era exatamente fácil, muita subida e descida o tempo inteiro, quem não tá acostumado sofreu. Mas pra quem conhece o entorno do Itaquerão era meio óbvio que ia ser assim. 

Bom, espero que tenha no ano que vem. A prova foi organizada, bastante banheiro, excelente espaço para concentração e dispersão, acesso superfácil pelo metrô, boa camiseta, o sempre recomendável chip descartável, o porta-volumes um pouco confuso (e isso acho que acabou atrasando a largada) e, pra mim, dois pecados: a medalha, que poderia ter sido mais caprichada (sim, não ligo tanto pra medalha, mas essa é do curinthia, pô!!!) e a prova não passar, de alguma forma, dentro do estádio. Na verdade, não sei se dá, se isso é possível, mas era a expectativa de muita gente ali!

Vai Corinthians!!!

Nenhum comentário: